Já está bom de terminar. Sério.

Início de ano, meu irmão volta de férias passando mal. Suspeita de gripe suína (não foi, graças a Deus), mas ao ser internado, descobre-se que o moleque tem problemas no coração; a princípio, nada de extremo, mas precisa de acompanhamento o resto da vida;

Pouco depois, minha avó afunda de vez com Alzheimer. Como todo mundo que já teve parente com isso sabe, é um baque na família inteira.

Minha tia (que mora comigo), foi diagnosticada com diversos cistos espalhados pelo corpo. Operou para retirar os que incomodavam; o restante precisa de acompanhamento.

Minha irmã então passa mal, com síndrome vaso-vagal e passa fim de semana internada. Volta e meia ainda tem uma crise, sem muita explicação.

Minha madrastra em crise profunda de depressão… o ano inteiro.

Meu irmão passando mal novamente, desta vez uma “virose forte” – demorou umas 2 semanas para se recuperar, tendo suspeita de dengue (descartada) e tudo mais.

Meu pai pega a mesma virose, passa muito mal e demora bem mais para se recuperar – na verdade ainda está se recuperando. Foi internado para exames e constatou-se que também teve uma crise de artrite junto a virose.

No dia que fiquei no hospital com meu pai, comecei a passar muito mal de alergia (quarto de hospital empoeirado?), e estou sob medicamentos até hoje.

Minha “vó-drasta” (avó por parte de madrasta), precisa ser operada de visícula; mas devido a idade, ainda está sendo testada para ver se tem condições ou não de aguentar uma cirurgia…

Nesse interim, um amigo, que trabalha conosco infartou e está internado no hospital.

E isso tudo só falando de problemas de saúde, fora o resto…

Chega 2010! Vai embora logo que não dá mais pra aguentar isso não…

Atenção: se você ainda não viu o primeiro episódio da última temporada de Eureka – não continue a ler!

Quem não conhece, Eureka é um seriado sobre uma pequena cidade onde todos que residem são gênios, que criam as coisas mais diversas que se possa imaginar. Entretanto, volta e meia as coisas dão erradas, e cabe ao Xerife da cidade (que não é nenhum gênio) tentar resolver todos os problemas.

O seriado é excelente, com muitas histórias bem boladas, e semana passada estreiou a nova temporada no canal Sci-Fi.

Entretanto, se a temporada for medida por esse primeiro episódio, vai ficar devendo. Os roteiristas parecem que não se preocuparam muito com a coesão do que acontece na história.

Nesse primeiro episódio, alguns personagens são jogados de volta no tempo, para o ano de 1947, onde supostamente a cidade de Eureka teria sido fundada. Nada demais até então, mas chega quase ao final do episódio, e eles descobrem a máquina que teria sido a responsável por trazê-los de volta no tempo.

Uma das conclusões é que a máquina só funcionou porque ela mesma havia sido ativada em 2010, e então teria criado uma “ponte” entre 1947 e 2010 – e trazido assim os personagens ao passado. Tudo certo, mas 2 pequenos problemas:

1 – é dito no episódio que a máquina até então não tinha funcionado pois não havia a mesma máquina em “outra instância temporal” funcionando. Ora, era só a máquina funcionar 5 minutos que se criaria uma ponte entre o “presente” e os 5 minutos anteriores, não seria preciso ativar a máquina décadas depois para que a tal “ponte” fosse criada: alguns segundos da máquina funcionando já seriam suficientes.

2 – o maior erro de todos: eles dizem que a máquina é alimentada por “solar flares” (tempestades solares), e que a mesma re-incide a cada 11 anos (dito no seriado, vai saber se isso é verdade). Pois bem, se o ano onde eles estavam era 1947, vamos as contas:

1947 + 11 = 1958
1958 + 11 = 1969
1969 + 11 = 1980
1980 + 11 = 1991
1991 + 11 = 2002
2002 + 11 = 2013

Então é impossível os personagens retornarem de 2010 (eles mesmo falam a data) para 1947 – simplesmente porquê não está no “loop” daquela mesma tempestade solar!

O primeiro item, até se deixa passar, agora esse segundo erro chega a ser estúpido. Se a temporada for toda assim, só tenho um comentário: “É, né?”

O canal Sci-Fi já fez uma lambança sem tamanho com o Stargate Universe, quando lançou a seriado – E acreditem, o seriado continua repetindo até hoje!

Pois bem, por um bom tempo eles anunciaram a mudança do canal (nos moldes do que houve nos EUA), de “Sci-Fi” para “ScyFy” (urg) – e que a partir do dia 10.10.10 iriam entrar com nova programação… e anunciaram seriados novos como Caprica, Haven e Sanctuary; parecia que finalmente a onda de reprises infinitas iria finalmente acabar…

…Mas infelizmente o canal não mudou em nada.

No dia da mudança, passaram Haven… mas não passaram o primeiro episódio! Ou seja, quem tentou assistir, ficou sem entender nada. Eventualmente passaram o primeiro episódio, e hoje novamente vão reprisar o tal que passou no dia 10… nem 1 mês e o seriado novo já passa reprise?

No dia que inaugurou Sanctuary, passaram 2 episódios inéditos de uma vez… lembra o SGU? Pois é, não é a única semelhança: do dia 10, até hoje dia 22, estes mesmos 2 episódios já foram repetidos ad nauseum – No dia que deveria passar o episódio 3 (e 4?), repetiram novamente os 2 primeiros episódios que foram ao ar!

Assim não tem mudança de nome que dê jeito…

Quem não viu:

http://jogos.uol.com.br/pc/ultnot/2010/08/23/ult182u8472.jhtm

Uma entrevista com Cesar Barbado, um dos criadores do MMO Erínia – a reportagem é quase um “Post Mortem” do jogo. Ponto para o UOL, por correr atrás e conseguir essa entrevista!

Eu até hoje não esqueço, quando vi palestra dos 3 sócios, antes do Erinia ter sido lançado, o Barbado dizendo que “vendeu o apartamento onde morava para fazer o jogo”… minha espinha gelou quando ouvi isso.

Acho um erro, nessa entrevista, ele culpar “o momento errado do mercado” em que o jogo foi lançado, ou a “falta de marketing”. Pô – Erinia chegou a ter propaganda na TV Bandeirantes, nada menos do que no intervalo de um (extinto, alguém lembra o nome? ;) ) programa sobre video-games!

Eu, que não estive envolvido em nada no projeto, só me lembro de gente que reclamava que os “bugs” do jogo não eram resolvidos, que não tinham novas ‘quests’, que eles não atendiam os pedidos dos usuários…

E lembro de outro lance na palestra: que eles tinham escrito o servidor todo em Java no Windows – e palavras deles – acreditando na “portabilidade” do Java, para depois rodar o servidor em Linux quando a demanda pelo jogo aumentasse. E tiveram que re-escrever tudo (não lembro se em C ou em Java mesmo) para que funcionasse no Linux. Nessas horas eu dou graças aos céus pelo BlitzMax :)


O jogo Erínia
O jogo Erínia

Mas tem dados interessantes: o Erinia teve “pico” de 600 usuários. Muito pouco para se manter os custos de um MMO, mas de longe um ‘userbase’ a se ignorar.

Outro ponto interessante, é que aparentemente eles tomaram calote da empresa Alemã que iria publicar o Erínia por lá… catando um pouco, achei a tal empresa: “gamigo” – quem quer a prova dos 9, tá aqui. (É bom anotar isso, para evitar, ou pelo menos tomar muito cuidado ao se lidar com esta empresa!)

E o mais importante: a Ignis Games começou na incubadora da TecPar – o jogo teve recursos do BNDES, BID (!), Fapesp, Sebrae, investidores “particulares”, além do tal apartamento… para ver como todo dinheiro do mundo, não faz um jogo de sucesso :p~

Eu achei o artigo bem interessante… mas o título, é mais uma “pancada” no combalido mercado nacional =(

De novo (novamente, outra vez) tento instalar Linux,e pra variar, algo dá errado.

Bola da vez: Kubuntu 10.04.1. Porquê? Eu vi o site do projeto, e gostei do profissionalismo do mesmo, achei que o OS teria a mesma dedicação.

Preparo então pendrive, instalo tudo, OS inicia… até aí tudo bem. Configuro o wireless – que acha o meu roteador… mas não conecta. Tento tudo quanto é tipo de configuração, re-digito a senha zilhões de vezes, e nada.

Paciência – vamos ligar o cabo ethernet…

…e pasmen, nem assim conecta.

E o que mais me espanta: Ubuntu 8.x reconhece tudo aqui. Será que regridiu de uma versão pra outra??? (Estou baixando agora a iso do Ubuntu 10.04.1 para ver se dá o mesmo problema)

Linux tá indo de mal a pior…

Pequena atualização: a coisa tá pior ainda do que eu pensava!

Ubuntu 10.04, de cara deu uma doideira no login… e não logava nem a porrada. Depois de uns 3 reboots, passou a funcionar miraculosamente.

Nele, a conexão Ethernet funcionou, como de se esperar… e até o wireless conseguiu funcionar! (retirando-se acentuação da senha, com acentos não vai nem com reza braba).

Até aí tudo bem, mas quando tentei acessar o HD com Windows instalado… cadê que montava o bicho? ‘mount’ dava erro, dizia que já estava montado (mas não existia o local onde apontava) e um monte de doideira. Fui catar na internet, achei 500 causas diferentes pro problema, e a maioria das soluções envolvia recompilar alguma coisa… desisti.

Fui testar o Ubuntu 10 no HP Touchsmart… instalou e… cadê o som? Não reconheceu! Precisa dizer o absurdo que é não reconhecer o som onboard de um micro HP? Afinal, HP, Compac e Dell são as 3 grandes marcas americanas, e Linux tem mais do que obrigação de detectar tudo nesses micros!

Pior ainda é ler reportagem de 2 páginas no “Info e Etc” do Globo, elogiando a torto e a direito o Ubuntu… é demais pro meu gosto :P

Pequeno detalhe: depois desta brincadeira toda, instalei o Win7 64 bits Home Premium nesse Touchsmart – e reconheceu e configurou absolutamente TUDO de forma automática. A única coisa que tive que fazer foi selecionar meu roteador e digitar a senha do wireless – o resto, da webcam ao controle remoto, da placa de video a tela touchscreen tudo foi reconhecido e configurado sem precisar dar 1 clique sequer.

E ainda querem me convencer que Linux é superior…

Do nada o Google resolveu desabilitar minha conta no adsense. E, ao invés de me contactar antes, simplesmente mandou uma mensagem desaforada, dizendo que todos os créditos estavam sendo extornados aos anunciantes por *suspeita de fraude*.

1) Se é suspeita, como eles podem cancelar antes de ter certeza?

2) Porque em um caso desses eles não entram em contato, ou pelo menos enviam um “warning” antes de qualquer atitude drástica? Com certeza não houve trapaça alguma, e se eles me perguntassem algo, eu poderia tentar esclarecer (embora meu site apenas esteja lá, eu não tenho controle sobre o que as pessoas que acessam fazem :P)

3) Aparentemente o princípio da lei americana de “innocent until proven guilty” (inocente até que se prove o contrário) não vale para o Google…

4) Eles mandam acessar um FAQ, onde tem um formulário para “apelar” e tentar re-habilitar a conta; No formulário, um quilo de pergunta ridícula, do tipo “de onde seus usuários acessam seu site? Da Universidade? Do trabalho? De Casa? – ora bolas, como eu vou saber isso?

Eu honestamente me irritei com a mensagem “acusadora” que recebi (automática do sistema, não tem nem como responder o e-mail) e apaguei todo e qualquer código de adsense dos meus sites, inclusive deste blog.

Google tem uma excelente busca na internet… mas está crescendo tanto que já começa a afetar o dia a dia da empresa… Quem torce pelo Google contra a Apple ou a Microsoft, melhor abrir os olhos…

Eu cada vez mais me pergunto “o que está acontecendo com o mundo?”; Agora, o que me fez levantar de novo esta questão é o novo remake do Karatê Kid.

Nada contra a refilmagem – faz tempo que não ouço nada sobre um filme “grande” de artes marciais, e até posso ver que o filme faça sucesso… mas tem algo que mesmo sem ver o filme já me encomoda: o personagem principal (que faz as vezes do “Daniel San” da versão antiga) aprende Kung-fu e ao que parece (ao menos pelo trailer, e pelos trechos e entrevistas que já vi) que em todo o filme se fala apenas em Kung-fu!

Será que os roteiristas do filme sequer se ligaram que Kung-fu é uma arte marcial Chinesa e Karatê uma arte Japonesa? Como um “Karate Kid” só aprende a lutar Kung-fu? Não seria Kung-fu kid?

Levando para um lado mais brasileiro, seria a mesma coisa que fazer um “Samba kid”, e no filme o garoto só dançasse Tango o tempo inteiro.

Lamentável, para dizer o mínimo. E matou qualquer vontade que eu pudesse vir a ter de pagar para ver esse filme. Quem sabe eu veja o desastre daqui a alguns anos, quando passar na TV… :P

Para não avacalhar tudo, ao menos tenho que dizer que me surpreendi pelo que vi de Jackie Chan. Eu não imaginava ele fazendo estilo “Sr.Miyagi”, mas novamente pelo pouco que vi, ele caiu bem no papel.

Arg! Lendo os reviews no IMDB, agora mesmo que não quero saber do filme… principalmente depois de ler que o filme tem “apenas” 2h 20mins, os atores tem algo em torno de 12 anos (a trama é visivelmente escrita para atores adolescentes) e não há sangue nas lutas, pois “crianças não podem sangrar em filmes” (senão o filme não teria o “family rating”)…

E pasmen, já estão falando em seqüência (ou seria seqüelado?), “Karatê Kid 2″ – mas pera lá, ele não aprendeu Kung-fu???? O_o

Onde será que essa desgraça vai parar??? (E ainda vem aí o filme dos Smurfs… que Deus nos proteja!)

Vale a pena sempre lembrar… escândalos do Governo Lula (retirados de diversas fontes pela internet, dentre elas a revista Veja e Wikipedia):

* Caso Celso Daniel
* Caso Toninho do PT
* Propinoduto
* CPI do Banestado
* Suposta Ligação do PT com o MST
* Suposta Ligação do PT com a FARC
* Escândalo dos Gastos Públicos dos Ministros com cartões
* Irregularidades do Fome Zero
* Escândalo do DNIT
* Escândalo do Ministério do Trabalho
* Operação Anaconda
* Escândalo dos Gafanhotos
* DVD(s) pirata(s) em jato presidencial
* Várias Aberturas de Licitações da Presidência da República Para a Compra de Artigos de Luxo
* Escândalo da Norospar (Associação Beneficente de Saúde do Noroeste do Paraná)
* Escândalo dos Bingos (ou Caso Waldomiro Diniz)
* Caso Kroll
* Escândalo dos Vampiros
* Abuso de Medidas Provisórias no Governo Lula entre 2003 e 2004 (mais de 300)
* Escândalo dos Correios
* Escândalo das Furnas
* Escândalo Caixa-BMG (financiamento irregular de campanhas)
* Escândalo do Mensalão
* Esquema de Corrupção no Diretório Nacional do PT
* Escândalo do Valerioduto
* Escândalo do Brasil Telecom
* Escândalo da SEBRAE (ou Caso Paulo Okamotto)
* Caso Marka/FonteCindam
* Escândalo dos Dólares na Cueca
* Escândalo do Banco Santos
* Escândalo Daniel Dantas – Grupo Opportunity
* Escândalo da Gamecorp-Telemar (ou Caso Lulinha)
* Caso dos Dólares de Cuba
* Escândalo da Nossa Caixa
* Quebra do Sigilo Bancário do caseiro de Antônio Palocci, Francenildo
* Escândalo das Cartilhas do PT
* Escândalo do Banco BMG (Empréstimos para aposentados)
* Escândalo do Proer
* Escândalo dos Fundos de Pensão
* Escândalo dos Grampos na Abin
* Escândalo do Mensalinho do “Baixo Clero”
* Escândalo das Vendas de Madeira da Amazônia (ou Escândalo Ministério do Meio Ambiente).
* Sanguessugas
* Aloprados
* Gastos de Combustíveis dos Deputados
* Suposta Ligação do PT com o PCC
* Suposta Ligação do PT com o MLST
* Grampos no TSE
* CPI das ONGs
* CPI do Apagão Aéreo
* Operação Navalha
* Caso Renan Calheiros
* Operação Águas Profundas (também conhecida como Caso Petrobras)
* Operação “tapa-buracos”
* Apagão nacional
* Escândalo da VARILOG e Dilma Roussef
* Escândalo do Dossiê da Casa Civil – Dilma Roussef
* Escândalo das obras do PAC
* Escândalo da expropriação de ativos da Petrobras na Bolívia

E tudo isso sem falar em multas por campanha antecipada, em ligações escusas com políticos mais escusos ainda, em “acordões” e renúncias para livrar deputados e ministros de punições… e a perda da chance histórica de levar o país a frente, quando o mundo inteiro estava crescendo vertiginosamente e o Brasil foi levado apenas na “rabeira” do crescimento, pois nosso “guia” nunca foi a favor de corte de gastos em sua administração; ao contrário, não só implodiu os gastos nos “cartões corporativos” como ainda tentou re-estabelecer por diversas vezes a malfadada CPMF… são 8 anos de (des)governo a serem lamentados.

E Deus tenha piedade de nós se esse pessoal continuar no poder.

Ontem me deparei com essa no youtube:

vuvutube

Veja a bolinha realçada na foto! Ao clicar nela, o som do vídeo é sobreposto com o som de… vuvuzelas!
Completamente inútil, altamente criativo, e muito divertido! :)

Ê semaninha boa…!

Começou o fim de semana, sábado de manhã acordo com a cozinha inundada… geladeira pifou, pouco mais de 1 mês de ter sido consertada. Veredito: motor vazando óleo e misturando o mesmo com o gás, que causa entupimentos e a geladeira para de funcionar. Tenho que comprar outra :(

Ligo para meu pai, para pedir alguma dica, outra notícia: minha irmã foi internada no hospital, passou o fim de semana inteiro por lá. Só um susto (mais um, da outra vez foi meu irmão), mas aos poucos as coisas vão voltando ao normal.

Na segunda chego em casa, compro outra geladeira, resolvo acessar o site da Icon Games e… cadê? Deu pau no Dreamhost. Para melhorar a situação eles resolveram fazer um upgrade e conseguiram quebrar toda a loja online, assim como o portal de jogos em Flash. Resultado: até as 4 da matina alterando código PHP para deixar tudo minimamente funcional… e ainda sobrou coisa para ser feita na terça.

Hoje na terça, levanto cedo, vou ao consulado americano para tentar tirar visto com minha tia… surpresa! Aumentou o preço do visto, e mesmo eu já tendo pago a tarifa (paguei 2 dias após marcar o atendimento, por recomendação deles que pedem para pagar antecipado) agora tenho que correr e achar um citibank e pagar tarifa adicional… de $9.

Pergunta: para que ter sistema online, perguntar coisa até da encarnação passada, pegar email, mandar comprovante do agendamente por email… mas não avisar que precisa pagar uma taxa adicional, mesmo já tendo feito o agendamento com antecedência?

Para coroar: chego em casa, a geladeira foi entregue (no dia seguinte a compra, em menos de 24hrs!), e como não havia ninguém em casa, deixaram a geladeira na garagem do prédio. E para minha felicidade, a geladeira é pesadona, precisa de 2 pessoas para poder carregá-la, e só está o porteiro do prédio e mais ninguém que possa ajudar. A geladeira vai ter que dormir na garagem, e só amanhã que realmente entra aqui em casa.

…e ainda estamos na terça-feira. Nem quero pensar em como vai ser o resto da semana :P~

« Previous PageNext Page »